Fazer a barba com vapor de ozônio? Por que não?

 

A vaidade masculina está em alta como nunca esteve antes! E assim os homens também tem buscado e aderido às novidades do mercado de beleza.

Acho que hoje, nesse cenário, podemos falar principalmente das barbas né? Os barbudos estão em alta rsrsrs…

Mas fazer a barba sozinho nem sempre é uma tarefa fácil. O manuseio incorreto de aparelhos de barbear pode provocar irritações, foliculite e até cortes indesejáveis na pele! E aí para não correr o risco de fazer uma tremenda meleca e ter que remover toda a barba ou até mesmo se machucar, muitos homens tem deixado essa tarefa para um profissional especializado realizar. O que temos visto então nos últimos tempos é um boom de barbearias por aí… Na busca pelos clientes, ganha aquele que tem diferenciais para ofertar ao público cada vez mais exigentes dos homens barbudos rsrsrs…

O vapor de ozônio é um desses “agrados” que vale a pena! A técnica previne a foliculite e promove um barbear mais suave, especialmente em peles mais sensíveis.

Primeiro o cliente recebe o vapor quente no rosto para auxiliar a abertura dos poros, deixando assim o pelo mais maleável e saindo com mais facilidade quando o barbeiro passa a navalha sobre a pele sem agredi-la.

Mas a diferença não está apenas no calor! O ozônio também possui efeito bactericida e fungicida o que é ótimo para evitar a inflamação dos folículos capilares.

Por último o calor também provoca uma gostosa sensação de relaxamento e bem estar.

Legal né? Dá só uma olhada neste vídeo que passou no programa BEM ESTAR da rede Globo falando sobre isso.

Bjos

 

Um comentário sobre “Fazer a barba com vapor de ozônio? Por que não?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *