Arquivo da tag: atividade física

Tratamento de gordura corporal e um errinho básico

Eu sou meio assim: quando acho uma coisa legal em um site vou logo copiando e compartilhando com todo mundo rsrsrs…

Encontrei esse artigo bem bacana escrito por João Tassinary no site dele e copio na íntegra para vocês lerem.

No final tem a referência do local de onde tirei também:

 

Um dos maiores erros em tratamentos de Gordura Corporal

Acredito que um dos grandes erros hoje de maior parte dos profissionais que tratam gordura corporal com princípios ativos lipolíticos ou recursos de eletroterapia que estimulam a lipólise é POSTERIORMENTE NÃO PROPICIAR A OXIDAÇÃO DOS ÁCIDOS GRAXOS.   

É importante frisar que a redução ponderal ou de gordura corporal são objetivos muito comuns, pois além da mudança estética, elas proporcionam vários benefícios, como redução da pressão arterial, regulação dos níveis glicêmicos entre outros.

Dentro da área da dermato existe um dilema em relação a como proceder após a utilização destas diversas técnicas que estimulam a lipólise, normalmente os profissionais ficam em dúvida entre técnicas manuais como DLM ou massagem modeladora, ou ainda recursos como plataforma vibratória ou corrente russa.

trajetoria acido graxo

Como a ilustração acima mostra, os tratamentos que nós da área estética aplicamos, geram a lipólise e consequentemente a liberação do ácido graxo. Este se não for devidamente metabolizado tem grandes chances de ser reabsorvido pelo organismo. CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR.

Segundo a literatura os ácidos gordos concebem a maior reserva de energia do organismo, sendo encontrada na forma de triacilgliceróis no tecido adiposo e no plasma e na forma de ácidos graxos livres no sangue. Cada triacilglicerol é formado por uma molécula de glicerol e três de ácidos graxos ligados entre si por ligações éster, daí também serem chamados de ácidos graxos esterificados. Dentro deste contexto, quando ocorre uma ruptura na homeostasia lipídica, ou seja, desequilíbrio na entre a quantidade de energia ingerida e otimizada, essas excessivas proteínas e carboidratos da dieta são rapidamente convertidas a ácidos graxos e armazenados como triacilgliceróis.

Um método simples e comprovado para metabolizar os ácidos graxos!

Minha dica é simples e com resultados comprovados… e ainda estão dentro dos recursos descritos como EFICIENTES, ou seja, é efetivo e economicamente vantajoso.

É fundamental que após algum tratamento estético que estimule a lipólise, o paciente seja submetido a alguma atividade física que metabolize este ácido graxo recentemente liberado, do contrário, a probabilidade deste ácido graxo voltar a ser armazenado é enorme. A atividade física principalmente se for aeróbia, induz ao aumento da densidade de capilares no tecido adiposo, assim como sua capacidade de oxidação dos ácidos graxos.

exercicios fisicos

Conscientize o seu paciente da importância de incluir os exercícios na sua rotina.

É importante lembrar que este processo é cíclico e vicioso, ou seja, quanto maior for o nível de treinamento aeróbio do indivíduo, maior será sua capacidade de utilização de gordura como fonte de energia, este processo está diretamente relacionado à aquisição celular de novas mitocôndrias e enzimas críticas do Ciclo de Krebs, conseqüências do treino aeróbio. Segundo estudos recentes, um aumento na quantidade de mitocôndrias e o incremento de seu volume proporcionam uma área de superfície maior para o recebimento de ácidos graxos e maior capacidade de utilizá-los.

Conclusão

Seja um mentor para o seu paciente, explique para ele como funciona o seu metabolismo e o quão importante é que ele associe tratamentos estéticos a uma rotina de exercícios físicos, como acabamos de ver no texto acima. Isto vai impulsionar os seus resultados de forma fantástica e trazer muito mais credibilidade e confiança para o seu trabalho como profissional. Como sempre enfatizo, o tratamento estético é MULTIDISCIPLINAR, e um dos maiores diferenciais do profissional de estética hoje é a capacidade de manter o seu paciente focado e engajado no tratamento!

REFERÊNCIAS

ROBERGS, R. A. Princípios |Fundamentais de Fisiologia do Exercício: para aptidão,
desempenho e saúde. São Paulo : Phorte, 2002
GUYTON, A.C. & HALL, J. Tratado de Fisiologia Médica. 10. ed. Rio de Janeiro:
Guanabara Koogan, 2002.
NELSON, D.L. & COX, M.M. Lehninger princípios de bioquímica. 3. ed. São Paulo:
Sarvier, 2002.
NOVAS, A.M.; ROWBOTTOM, D.G; & JENKINS, D.G. A practical method of estimating energy expenditure during tennis play. J. Sci. Med. Sport., 6:40-50, 2003.

http://joaotassinary.com.br/um-dos-maiores-erros-em-tratamentos-de-gordura-corporal/

Atividade física sim e sem desculpa!!

 

atividades

Quando inicio os tratamentos corporais para redução de medidas nas minhas clientes é comum escutar afirmações como: “não pratico atividade física por falta de tempo”, “detesto fazer academia”, “se eu tivesse que ir à academia eu não faria tratamento estético”, “estou fazendo tratamento justamente porque não quero fazer exercício”. E depois de escutar tudo isso lá vou eu, explicar mais uma vez que tratamento estético NÃO FAZ MILAGRE!

Ele é parte importante e complementar da tríade ALIMENTAÇÃO BALANCEADA + EXERCÍCIO FÍSICO + TRATAMENTO ESTÉTICO.

Logo é evidente  que aquela cliente que procura seguir essa combinação terá resultados melhores e em menor tempo do que aquela que deposita sua expectativas e esperanças unicamente no tratamento estético.

A alimentação não está legal e você não sabe quais seriam as melhores opções alimentares para você? Procure um nutricionista! Ele poderá indicar algo mais adequado para o seu perfil levando em consideração a sua rotina e isso não significa que será uma tortura! Significa apenas que você terá que fazer um esforço para mudar hábitos e isso no começo pode ser difícil, mas com força de vontade você chega lá!!

E quanto a atividade física, existem tantas, mas tantaaas opções… Escolha uma que te traga mais prazer e comece! Se perceber que não gosta troque! Sua saúde, além do seu corpo vai agradecer e os benefícios virão mais rápido!

Para dar uma ajudinha e um incentivo extras, seguem abaixo algumas opções. Tem para todos os gostos!!

  • Corrida: Pode ser praticada em uma esteira, em casa ou na academia, ou ainda ao ar livre (que é o que eu mais gosto!). A corrida ajuda a perder peso, define pernas, bumbum e abdômen, além de melhorar a parte cardiovascular, diminuir o estresse e em nós mulheres até os sintomas de TPM melhoram! Ah, dica importante: Escolha um bom tênis para evitar dores e futuros problemas principalmente nos pés e joelhos.
  • Caminhada: Ainda não tem pique ou simplesmente não gosta de correr? Então caminhe! Diminua a intensidade… Comece aos poucos e você também terá benefícios.
  • Jump: Essa aula animada, cheia de pulos sobre um trampolim é uma das minhas preferidas! As coreografias são animadas e você quase não percebe a intensidade forte do exercício até a aula acabar e você se sentir exausta rsrsrsrs… Queima cerca de 500 calorias, ajuda a perder peso, além de tonificar e fortalecer os músculos das pernas e dos glúteos. Mas se estiver com lesões nos joelhos ou tornozelos é melhor evitar devido ao impacto!
  • Bike: Andar de bike ao ar livre é uma ótima pedida, mas nesse caso use os equipamentos de proteção (joelheiras, cotoveleiras e capacete) e certifique-se de que o local é seguro e próprio para a prática. A outra opção é a bike indoor, também conhecida como Spinning, aulas acompanhadas por um profissional na academia. Boa para quem não tem coordenação motora, afinal é só sentar e pedalar kkk… Mas não pense que é tão fácil assim! Os professores instruem os alunos a pedalar mais rápido ou mais devagar, com muita ou pouca carga, variando a intensidade e dificuldade do exercício. É possível perder cerca de 600 calorias em uma aula!!
  • Zumba fitness: Conquistando a cada dia mais fãs e adeptos, a zumba usa coreografias e movimentos de dança latina e internacional. A mistura de ritmos como o hip hop, pop, rap, flamenco, dança do ventre, dança africana, salsa, merengue, samba, cumbia, axé e outros permite aos alunos um alto gasto calórico (que pode chegar a até 1000 calorias aula) sem você perceber que está se exercitando! É diversão pura!
  • Hidroginástica: Pouco impacto, uma água morninha, uma aula lúdica e agradável que ajuda a queimar calorias e melhora o condicionamento de forma segura. Gostou da combinação? Então corre para as aulas de hidro! A opção também é ótima para quem tem dores na coluna e nos joelhos!!
  • Pilates: Quem pratica garante: aí está um dos melhores exercícios para a melhora da postura, mobilidade, flexibilidade, além de tornear os músculos, fortalecer o abdômen e muitos outros benefícios. As aulas podem ser feitas em grupos e com poucos recursos (solo e bola) ou personalizadas em equipamentos com acompanhamento bem de perto dos professores.
  • Yoga: Para quem gosta de atividades zen essa opção é ótima. Mas não pense que o Yoga trabalha apenas a parte mental. Os benefícios são sentidos no corpo também!Alivia dores nas costas, melhora o condicionamento cardiovascular, alivia o estresse e sim, tonifica músculos também!

Nossa, são tantas opções! E não citei sequer a metade da metade! Vale lembrar que antes de iniciar qualquer prática é preciso procurar um profissional da área médica para ver como andam as condições gerais de saúde, é necessário fazer também uma avaliação física e procurar um local com bons profissionais de Educação Física que possam orientar e auxiliar nos exercícios e assim ingressar nas atividades de maneira segura!

Não tem desculpa hein! Comece já e eu garanto que qualquer tratamento estético que você fizer te trará resultados muito mais rápido!

Bjosssss