Criolipólise: tecnologia não invasiva no tratamento para gordura localizada

Publicado por FisioFernandes em 02/09/2021 - 1 Comentário


Criolipólise: tecnologia não invasiva no tratamento para gordura localizada

Muitos clientes procuram por tecnologias não invasivas para realizar tratamento para gordura localizada. Para facilitar e acabar com as principais dúvidas, reunimos neste artigo os conceitos e principais benefícios sobre essas tecnologias presentes no mercado de estética. 

Seus excelentes resultados são cientificamente comprovados em inúmeros tratamentos e, por se apresentarem como alternativas a procedimentos mais invasivos, como por exemplo, a lipoaspiração ou a cirurgia bariátrica, são atualmente muito requisitados.

 

Estética: uma área em expansão

De acordo com uma pesquisa realizada pelo SEBRAE, somente de 2010 a 2015 o mercado de estética expandiu em 567% no país, principalmente em decorrência das propostas tecnológicas no tratamento para emagrecimento.

O estudo demonstra que, mesmo com a crise vivida pelo país nessa época, os centros estéticos continuaram em crescimento. As pesquisas apontaram ainda que esse índice também é decorrente dos resultados obtidos pelos pacientes através de melhorias como:

  • Auxílio na drenagem linfática;
  • Produção de elastina;
  • Aumento da circulação sanguínea local;
  • Reparo tecidual;
  • Síntese e disposição de colágeno, entre outras.

 

Criolipólise como tratamento para gordura localizada

A criolipólise é uma modalidade terapêutica não invasiva (sem cortes), que destrói os adipócitos (células de gordura) por meio de temperatura controlada e, como resultado, diminui medidas corporais.

O termo “criolipólise” é proveniente da combinação de três palavras antigas e científicas. “Krios” de origem grega, significa “frio”, “lipo” quer dizer “gordura” e “lise” implica o significado de “quebra”. Desse modo, podemos dizer que criolipólise é especificamente a quebra de gordura através do frio.

Esse tratamento para gordura localizada é realizado com um aparelho específico, no qual os aplicadores se acoplam com precisão às diferentes áreas do corpo. O aparelho promove o vácuo sobre o tecido e resfria a gordura da região, iniciando a destruição dos adipócitos.

 

Técnica recente

Considerada uma técnica bem recente, o processo de desenvolvimento foi iniciado em 2008, no curso de Medicina na Universidade de Harvard, nos EUA. O projeto foi encabeçado pelos cientistas Ph.D. Dieter Manstein e Dr. R. Rox Anderson, e passou a ser difundida no Brasil a partir de 2012.

 

Assine nossa newsletter

 

Ação do resfriamento nas células de gordura

As moléculas no interior das células de gordura (triglicerídeos presentes nos adipócitos) possuem mais sensibilidade ao frio do que as estruturas ao redor, que são ricas em água. Por isso, os triglicerídeos são cristalizados de modo irreversível no interior do adipócito, enquanto as estruturas próximas, ricas em água, e a pele são perfeitamente preservadas.

Mas, vale ressaltar que a criolipólise não é indicada como tratamento ao combate da obesidade, somente no tratamento para gordura localizada em algumas regiões do corpo. Isso ocorre porque o procedimento consegue atingir apenas a gordura subcutânea, sem afetar o restante dos tecidos.

 

Tratamento para gordura localizada praticamente indolor

De acordo com alguns relatos, o procedimento pode causar dor moderada no momento de sucção da pele, porém, depois do congelamento das células de gordura, o local fica anestesiado. Além disso, pode ocorrer um pequeno desconforto durante a retirada do aplicador, porém o paciente pode retornar imediatamente às suas atividades corriqueiras.

 

Percepção dos resultados

Cada sessão dura entre 60 e 80 minutos e fatores como a espessura da prega (a porcentagem de gordura localizada que o paciente possui), o real desejo da pessoa na redução de medidas e o nível de redução de gordura atingido em cada sessão podem influenciar no número total de sessões no tratamento. Entretanto, seus efeitos fisiológicos, geralmente, podem ser notados a partir do décimo dia da quebra de adipócitos.

 

Artigos Relacionados

 

Polarys, o aparelho de criolipólise da Ibramed

O equipamento Polarys  possui quatro modos de criolipólise:

  • convencional;
  • de contraste;
  • de preparo;
  • de reperfusão.

O aparelho permite o uso de dois aplicadores com controles independentes que atuam simultaneamente, potencializando os resultados. Também possui sistema de vácuo para a manutenção da sucção durante o uso simultâneo dos aplicadores, vácuo contínuo e três modos de pulsado, garantindo maior conforto e, sobretudo, menor risco de equimoses.

Além disso, conta também com modo de seleção manual (para livre programação dos parâmetros. O Steps Mode permite que o profissional crie e salve modos de tratamento personalizados, já o Clean Mode (acesso ao modo de limpeza dos aplicadores e sistema do equipamento) assegura a efetiva higienização, praticidade e maior durabilidade do aparelho. O Polarys possui ainda design moderno, deslocamento fácil, tela touchscreen e tutorial informativo.

 

Protocolo de segurança

O Polarys é um equipamento seguro. Ele possui sistema de resfriamento eficiente, que assegura a estabilidade da temperatura durante todo o processo, seja com a utilização simultânea de dois aplicadores ou durante o uso isolado de cada um deles.

 

Aplicadores para diferentes áreas e biotipos

O Polarys possui cinco aplicadores nos tamanhos P, M e G, (2 P, 2M e 1 G), para assegurar a eficiência do tratamento em diferentes áreas e biótipos. Conta também com o aplicador 360º Mini como um acessório opcional (para tratamento de gordura localizada em regiões pequenas, como por exemplo, o submento). Consulte os aplicadores disponíveis com o vendedor responsável, sujeitos a alteração.

 

Polarys na Fisio Fernandes

Na Fisio Fernandes você encontra o Polarys, o equipamento de criolipólise da Ibramed, que pode ser adquirido no site em até 12 vezes, sem juros, no televendas e loja física. Oferecemos ainda a condição de financiamento em até 48 vezes.

Nossa equipe de consultores é capacitada para dar todas as instruções e o suporte necessário, desde a apresentação do produto até os serviços de pós-vendas.

Entre em contato conosco através de nosso site ou via WhatsApp e obtenha mais informações.

Quer saber mais sobre tecnologias não invasivas no tratamento para gordura localizada como a criolipólise ou ficou com alguma dúvida sobre o Polarys? Deixe seu comentário. Será um prazer ajudar!

E-book Tratamentos para gordura localizada


1
Deixe um comentário

avatar
1 Comentários
0 Respostas
0 Seguidores
 
Mais votados
Mais populares
0 Autores
Autores recentes
  Inscrever  
mais recente mais antigo mais votado
Notificar de
trackback

[…] Criolipólise: tecnologia não invasiva no tratamento para gordura localizada […]