Ultrassom de alta potência: como o equipamento funciona no tratamento de gordura localizada

Publicado por FisioFernandes em 10/09/2020 - 1 Comentário


Ultrassom de alta potência: como o equipamento funciona no tratamento de gordura localizada

Quando se fala em ultrassom, logo pensamos em exames de imagem, mas há tempos que o ultrassom também é utilizado para tratamentos estéticos. O ultrassom de alta potência, por exemplo, é um ótimo aliado no tratamento de gordura localizada.

Portanto, confira em seguida como o equipamento funciona neste tipo de protocolo.

 

O que é ultrassom

O ultrassom é uma onda mecânica, que possui frequência superior à capacidade da audição humana, aproximadamente 20 kHz.

Como é capaz de ultrapassar a pele, consegue mostrar o lugar de estruturas dentro do corpo humano, desse modo, é muito utilizado como exame para avaliar a saúde dos órgãos e tecidos do corpo por meio da ultrassonografia.

 

Como funciona o ultrassom estético

O ultrassom estético é diferente do ultrassom médico, sendo pequeno e fácil de transportar.

É usado na estética para o tratamento de celulite, pré e pós-operatório e para o tratamento de gordura localizada.

Para o tratamento de gordura localizada, usamos o ultrassom de alta potência, que atua de maneira mecânica ao penetrar até 15 mm na pele.

Dessa maneira, o ultrassom de alta potência é capaz de comprimir e “puxar” de maneira alternada as células adiposas, fazendo com que estas se quebrem.

Em alguns aparelhos, outras tecnologias como radiofrequência e infravermelho também são utilizadas.

 

Artigos Relacionados

 

Número de sessões

O número de sessões pode variar em conformidade com o tipo de tratamento, mas no caso do ultrassom focado de alta potência, que atua na gordura localizada, as sessões devem ser realizadas em intervalos de um mês, no mínimo.

O tratamento pode ser realizado em uma única sessão ou no máximo três, não sendo recomendado aplicar sessões de manutenção, mas sim o recomeço de novos tratamentos.

 

Cuidados antes das sessões

Para aplicar o ultrassom estético, a pele deve estar sem ferimentos, além disso, também é indicado perguntar ao paciente se este está fazendo uso de algum medicamento que possa alterar a coagulação sanguínea, já que remédios desse tipo podem ocasionar a incidência de hematomas depois da sessão.

 

Cuidados depois das sessões

Geralmente não há necessidade de cuidados depois das sessões, sendo indicada apenas a realização de atividades físicas para queimar a gordura localizada que foi quebrada durante o tratamento.

 

Contraindicações e algumas observações 

O ultrassom de alta potência é contraindicado para pessoas com câncer, colesterol ou triglicérides muito altos, com mau funcionamento do fígado, problemas de coagulação e gestantes.

Diabéticos também devem tomar um maior cuidado ao realizar esse procedimento, pois o ultrassom pode gerar uma agressão nos tecidos.

 

Possíveis complicações ultrassom estético

No local onde o ultrassom foi aplicado pode ocorrer um inchaço ou vermelhidão, que normalmente dura horas ou alguns dias.  Também podem aparecer pequenos pontos arroxeados na pele, os quais indicam microssangramentos que normalmente duram por volta de uma a duas semanas.

Em alguns casos, também pode ocasionar o surgimento de hematomas, nódulos e estriações temporárias. E, em casos mais raros, o local da pele onde foi aplicado o ultrassom pode ficar mais escuro por um ou dois meses.

Além disso, o profissional deve ser capacitado para realizar o procedimento, pois quando não é aplicado da maneira correta, o ultrassom pode causar graves queimaduras na pele do paciente.

 

Complementação do tratamento 

É muito importante que o profissional oriente o cliente a complementar o tratamento com alimentação balanceada, atividade física e drenagem linfática.

Alimentação

Adotar uma alimentação equilibrada é essencial, pois os alimentos possuem nutrientes construtores. Por isso, oriente o seu paciente a evitar a ingestão de carboidratos simples e frituras após o procedimento.

Atividade física

Já a atividade física contribui para melhorar a circulação. Quando o ultrassom é utilizado para a quebra de gordura, esta é metabolizada no fígado e vira energia. Se ela não for gasta em alguma atividade, voltará a ser convertida em gordura e se depositará onde estava antes.

Drenagem linfática

Por fim, a drenagem linfática melhora a circulação e o metabolismo da região massageada. E ao fazer o tratamento para quebrar o tecido adiposo, a drenagem contribui na reabsorção da gordura pelo sistema linfático, acelerando o processo.

 

Na Fisio Fernandes

Na Fisio Fernandes você encontra o ultrassom de alta potência Heccus Turbo Ibramed para que sua clínica possa inovar em tratamentos de alta performance para redução de medidas. Entre em contato conosco através de nosso site ou via WhatsApp e obtenha mais informações.

 

Ficou com alguma dúvida ou quer saber mais sobre ultrassom de alta potência? Deixe seu comentário. Será um prazer para nós poder ajudar!

Como empreender e vender mais serviços em sua clinica de estética


1
Deixe um comentário

avatar
1 Comentários
0 Respostas
0 Seguidores
 
Mais votados
Mais populares
0 Autores
Autores recentes
  Inscrever  
mais recente mais antigo mais votado
Notificar de
trackback

[…] uma das alternativas que a profissional pode oferecer é o Heccus Turbo, ultrassom de alta potência indicado para gordura localizada, redução de celulite, de medidas, eliminação de líquidos […]